Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

Dicas

​​​​​​​A Energisa orienta seus clientes para o uso adequado de energia e alguns cuidados com a rede elétrica. Aproveite as dicas e saiba como diminuir o valor da sua conta de luz e ainda ficar longe do perigo.

Por que usar eficientemente a energia elétrica

  • Conheça alguns motivos para o uso eficiente de energia elétrica:

    • Contribuir para o desenvolvimento sustentável;
    • Necessidade urgente da redução de temperatura do nosso planeta;
    • Redução de custos para os clientes, para o setor elétrico e para o país;
    • Melhoria da produtividade e da competitividade dos produtos e serviços;
    • Redução ou postergação dos investimentos para a expansão do sistema elétrico;
    • Maior garantia e maiores condições de atendimento ao mercado consumidor de energia;
    • Melhoria da eficiência de processos e equipamentos;
    • Minimização do impacto ambiental causado pelas instalações de geração, transmissão e distribuição de energia.
  • Energia reativa

    Atividades de rotina otimizando uma boa utilização dos motores e da compensação da energia reativa com a ajuda de capacitores pode ser evitado o uso de reativos excedentes. Também o uso de equipamentos que apresentem elevado fator de potência e a manutenção do nível de tensão da instalação próximo ao do valor nominal dos equipamentos são fatores decisivos para se obter o fator de potência desejado.

    Consulte seu gerente de relacionamento personalizado para se inteirar melhor e de forma satisfatória que te permita encontrar a melhor solução para consumir apenas o reativo necessário.

  • Fator de Potência

    Fator de Potência é a relação entre a energia ativa e a energia reativa de uma instalação elétrica, sendo um dos principais indicadores de eficiência energética. O fator de potência próximo de 01 (um) indica pouco consumo de energia reativa em relação à energia ativa. Uma vez que a energia ativa é aquela que efetivamente executa as tarefas quanto mais próximas da unidade for o fator de potência, maior é a eficiência da instalação elétrica.

  • Veja algumas ações para elevar o seu Fator de Potência:

    • Dimensionar corretamente motores e equipamentos, desligando os que estão operando em vazio;
    • Utilizar e operar convenientemente os equipamentos;
    • Elevar o consumo de energia ativa (kWh) se for conveniente à unidade consumidora;
    • Instalar capacitores onde for necessário;
    • Corrigir o baixo fator de potência por meio da utilização do serviço de técnicos habilitados.
  • Veja alguns Benefícios da Correção do Fator de Potência:

    • As variações de tensão diminuem;
    • Os condutores tornam-se menos aquecidos;
    • As perdas de energia são reduzidas;
    • A capacidade de transformadores alcança melhor aproveitamento;
    • Aumento da vida útil dos equipamentos;
    • Utilização racional da energia consumida;
    • Fim da cobrança do consumo de energia reativa excedente, que é cobrado na conta de energia.
  • Analogia ilustrativa do Fator de Potência

    fator_de_potencia.png
    • A Potência Ativa (W) representa a porção liquida do copo, ou seja, a parte que realmente será utilizada para matar a sede
    • Como na vida nem tudo é perfeitom junto vem uma parte de espuma, representada pelo Potência Reativa (VAr)
    • Essa espuma está ocupando lugar no copo, porém não é utilizada para matar a sede
    • O conteúdo total do copo representa a Potência Aparente (VA)
    • A analogia da cerveja pode ser utilizada para tirarmos algumas conclusões iniciais:
      • Quanto menos espuma tiver no copo, haverá mais cerveja.
    • Da mesma maneira, quanto menos Potência Reativa for consumido, maior será o Fator de Potência
    • Se um sistema não consome Potência Reativa, possui um Fator de Potência unitário, ou seja, toda a potência drenanda da fonte (rede elétrica) é convertida em trabalho
  • Ultrapassagem de demanda

    O consumidor deve verificar a causa da ultrapassagem de demanda, identificando se os eventos ocorridos são de origem eventual ou por acréscimo de carga permanente.

    Caso o evento de origem da ultrapassagem de demanda seja por acréscimo de carga permanente o procedimento é solicitar a Energisa o ajuste de demanda através de Aditivo Contratual, porém, limitando-se a potência máxima do transformador instalado na unidade consumidora.

    Caso o evento seja eventual ou pontual, o consumidor deve promover análise, junto ao seu pessoal técnico e administrativo, para que não haja reincidência.

  • Modalidade tarifária ideal

    O consumidor deverá atentar para as oscilações de consumo e horário, analisando o perfil de utilização de energia da sua unidade consumidora e realizar simulações, solicitando através da área de atendimento personalizado e o serviço disponibilizado no site da Energisa.

    A modalidade simulada propiciará comparar e identificar a melhor modalidade tarifária que se enquadra no perfil de consumo e demanda da unidade.

    Contratualmente, a alteração de modalidade tarifária é realizada uma vez a cada doze meses.

  • Vencimento especial

    O consumidor poderá utilizar-se dessa comodidade, optando por uma data de vencimento da sua fatura de energia, adequada e condizente ao melhor dia para pagamento que lhe possibilite provisionar recurso financeiro para a quitação.

    A Energisa disponibiliza 06 (seis) datas fixas para que o cliente realize sua opção e organize o seu orçamento.

Dicas de Segurança

  • Cuidado com as crianças

    Não deixe que elas brinquem com aparelhos elétricos ou toquem nas tomadas. É muito comum choque elétrico em crianças que enfiam o dedo ou qualquer objeto pontiagudo na tomada. Para sua tranquilidade, compre um protetor de tomadas. É barato e você elimina este risco da sua casa.
  • Instalação elétrica só com o eletricista

    A pessoa certa para mexer na sua rede elétrica é um eletricista profissional. Mas se você decidir fazer por conta própria qualquer serviço nas suas instalações tome sempre a precaução de desligar a chave geral do seu relógio de energia.
  • Para trocar uma lâmpada

    Segure-a sempre pelo vidro, nunca toque na parte metálica.​​
  • Água é um ótimo condutor de eletricidade

    Nunca ligue ou utilize aparelhos elétricos com as mãos ou pés molhados.​​
  • Mexer no chuveiro só desligado

    Nunca mude a posição da chave verão-inverno do seu chuveiro com ele ligado. Primeiro desligue o chuveiro, enxugue bem o seu corpo, inclusive os pés e as mãos, calce um chinelo de borracha e só depois mude a posição da chave.
  • Aterrar a rede elétrica

    Para proteger os seus aparelhos e também evitar choques, não se esqueça de solicitar ao seu eletricista o aterramento da sua rede elétrica.
  • Gato é crime e muito perigoso​

    O roubo de energia elétrica, além de ser crime, é um risco muito sério para você e sua família. Instalação clandestina pode causar um curto-circuito e incendiar a sua casa ou provocar a queima de seus aparelhos eletrodomésticos. Fazer gato pode custar muito mais caro do que pagar a sua conta de energia. Para ter um valor de consumo adequado ao seu orçamento procure usar a energia elétrica sem desperdício.
  • Pipa na rede elétrica

    • Não deixe seu filho soltar pipa perto da rede elétrica. Ao encostar na fiação, a linha da pipa pode causar um curto-circuito e seu filho sofrer um choque elétrico muito grave.
    • Não permita que pessoas brinquem próximo ou entrem nas subestações da ENERGISA. ESSA BRINCADEIRA PODE SER FATAL!
    • NUNCA suba nos postes da ENERGISA. É MUITO PERIGOSO. Você corre o risco de cair ou de levar um choque fatal.
    • Não se aproxime, nem toque em fios caídos na rua. Entre em contato pelos Canais de Atendimento da ENERGISA e informe o local da ocorrência. Mesmo que falte luz nas casas próximas, não significa que o fio caído esteja desenergizado.
  • Poda de árvores

    Nunca pode árvores que estejam em contato ou próximas à rede elétrica ou ainda que corram o risco de caírem sobre os fios de energia. Solicite orientação à ENERGISA pelos Canais de Atendimento ou à Prefeitura da sua cidade. Há risco de Morte!

E lembre-se: a Energisa está disponível 24 horas por dia para atendê-lo. Sempre que preciso, ligue gratuitamente para os telefones 116 ou 0800 032 0196.

Compartilhe nas redes sociais

​​​